Início » Finanças » Cuidados a ter nas compras online
Finanças Finanças Pessoais

Cuidados a ter nas compras online

Cuidados a ter nas compras online
Para que possa fazer as suas compras online em segurança, reunimos os cuidados que deve ter quando faz as suas compras online.

Ainda que as medidas de contenção da pandemia tenham afrouxado deixando as pessoas mais livres para fazerem as suas compras de Black Friday e Natal nas lojas físicas, a verdade é que comprar online veio para ficar.

Apesar de rápido e confortável, comprar online exige uma atenção especial à segurança dos seus dados pessoais pois nem todos os sites de e-commerce são fidedignos e as burlas estão sempre ao virar da esquina.

Para que possa fazer as suas compras online em perfeita segurança, reunimos uma série de cuidados que deve ter quando escolhe a Internet como o seu shopping de eleição.

Cuidados a ter nas compras online

  • Utilize conexões seguras para fazer compras online

Uma das condições essenciais à segurança nas compras online é a privacidade e, por isso, deve evitar usar acessos públicos, como redes de centros comerciais ou cafés e computadores partilhados. Sempre que possível, use o seu próprio computador, tablet ou telemóvel e evite aceder através de redes de wi-fi públicas que, por norma, são mais fáceis de piratear, apresentando um risco maior.

  • Assegure que o seu dispositivo está seguro

Certifique-se de que o seu computador, telemóvel ou tablet está protegido contra malwares. É essencial, não apenas para as compras, mas para a toda a sua atividade online, ter um programa antivírus atualizado e um firewall ativado para que possa filtrar o tráfego da internet.

  • Não confie no cadeado de segurança dos websites

Apesar de muitos utilizadores de Internet considerarem que o facto de um site ter o símbolo do cadeado na barra de endereços, bem como um ‘S’ no final do HTTP, são uma garantia de segurança e fiabilidade de um website.

Isto não corresponde inteiramente à verdade. Hoje em dia é extremamente fácil obter um certificado TLS válido e a possibilidade de que um website legítimo possa ter sido atacado é grande.

Evite aceder a sites a partir de links, optando por inserir diretamente o endereço e verificando se este é mesmo o endereço oficial.

Procure também verificar as Políticas de Privacidade do Site e pesquise informação adicional sobre a marca/empresa, de modo a conferir a sua credibilidade. E não deixe de pesquisar comentários e experiências de outros utilizadores, assim como de analisar a informação existente nas redes sociais.

Uma última nota para as compras online a particulares: nestes casos tome cuidados adicionais, dado que, neste tipo de transações, pode ser mais difícil fazer valer os seus direitos.

  • Leia as informações da loja online e os termos de venda

A lei em vigor exige que todas as lojas online apresentem informações completas de identificação da empresa ou vendedor, tais como nome ou denominação social, endereço geográfico em que se encontra estabelecido e endereço electrónico, registo comercial e número de identificação fiscal.

Antes de partir para uma compra online procure estas informações de modo a assegurar que a loja online é fidedigna.

Para além disto, as lojas online têm ainda o dever de informar os clientes sobre as condições de devolução e reembolso, prazos e custos de entrega, assim como informar o valor real dos produtos em caso de saldos, promoções ou reduções, de acordo com a “Lei dos Saldos, Promoções e Liquidações”. 

Desconfie se os preços que a loja online lhe apresenta são demasiados baixos quando em comparação com outras lojas do género.

  • Tenha em atenção o método de pagamento

A segurança das suas compras online de artigos de desporto passa, igualmente, pela atenção ao método de pagamento. Por isso, não forneça dados pessoais ou confidenciais que não os absolutamente necessários para realizar o pagamento.

À semelhança do que acontece com o homebanking, a partir deste ano, os bancos/prestadores de serviços de pagamento vão passar a solicitar autenticação forte aos seus clientes, sempre que estes realizam compras online com cartão.

Na prática, isto significa que os bancos/prestadores de serviços irão passar a solicitar ao consumidor dois ou mais elementos pertencentes às categorias de “conhecimento” (password), de “posse” (código enviado por SMS para o telemóvel, provando, desta forma, a posse do dispositivo), e de “inerência” (impressão digital, por exemplo) aquando de um pagamento online com cartão.

A par do cartão multibanco, os consumidores que compram online têm ao seu dispor soluções de pagamento como o Paypal e o MBNet. Nestes dois casos, importa-lhe saber que não há necessidade de fornecer os dados do seu cartão ao vendedor.

Em todo o caso, escolha a modalidade de pagamento em que sente mais segurança, tendo em vista também o produto que vai comprar.

  • Conserve caixa e o comprovativo da compra

Por vezes, o artigo que encomendou não corresponde ao que comprou ou vem estragado. Para que possa pedir a devolução do dinheiro ou a troca do produto, deve guardar a caixa e o comprovativo da compra.

Logo após uma compra online, o vendedor deve enviar imediatamente a fatura em formato digital. Como salvaguarda, caso não receba a fatura no formato digital, pode garantir um print screen dos dados da operação.

Mantenha-se atento ao seu extrato bancário e, caso suspeite de fraude, contacte o seu banco e as autoridades pessoais.

  • Faça valer os seus direitos enquanto consumidor

Os seus direitos enquanto consumidor mantêm-se quando compra online. Entre estes direitos contam-se, por exemplo, a desistência da aquisição ou subscrição de um produto ou serviço no prazo de 14 dias.

Se não sabe quais são os seus direitos, pode obter informação nestes dois sites:

Portal do Centro Europeu do Consumidor 

Plataforma da DECO em Portugal para as compras online

Caso queira apresentar queixa, pode fazê-lo no Portal da Queixa ou no Livro de reclamações online.

  • Classifique a experiência de compra e o site do vendedor

Sempre que possível, classifique e deixe o seu testemunho sobre a sua experiência de compra no site ou nas redes sociais do vendedor. Para além de afetar a reputação online da loja online, isto ajudará outras pessoas a saberem se aquele site é seguro ou não.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade