Início » Notícias » Alexei Navalny vence Prémio Sakharov
Internacional Notícias

Alexei Navalny vence Prémio Sakharov

Alexei Navalny

O opositor de Vladimir Putin, Alexei Navalny, já era falado como candidato, tendo sido, esta quarta-feira, confirmado como vencedor do prémio para a Liberdade de Pensamento, entregue pelo Parlamento Europeu todos os anos.

Esta quarta-feira, dia 20, foi anunciado, em Estrasburgo, o vencedor do Prémio Sakharov 2021, tendo sido atribuído a Alexei Navalny, político da oposição na Rússia e ativista anticorrupção. O ativista foi nomeado pelo Partido Popular Europeu (PPE) e pelo Renovar a Europa graças à sua coragem na luta em defesa da liberdade, direitos humanos e democracia.

Heidi Hautala, membro do Parlamento Europeu, declarou, ao anunciar o vencedor, que “o galardão é, este ano, atribuído a um defensor da mudança”, pedindo, ainda, a libertação imediata de Navalny que, segundo Hautala, “demonstrou grande coragem nas suas tentativas de restaurar a liberdade de escolha do povo russo durante muitos anos, lutou pelos direitos humanos e pelas liberdades fundamentais no seu país e isso custou-lhe a sua liberdade e quase a sua vida”.

Em “rivalidade” com Alexei Navalny para a atribuição do Prémio Sakharov 2021 estavam, também, um conjunto de mulheres afegãs e a ex-presidente interina da Bolívia, Jeanine Áñez.

A deputada finlandesa mencionou, de igual modo, que “o Parlamento Europeu homenageia também um grupo de mulheres afegãs que lutaram ferozmente pela igualdade e pelos direitos humanos no seu país”. Heidi Hautala, que substituiu o presidente do Parlamento Europeu, David-Maria Sassoli, por motivos de doença, acrescentou que “Queremos honrar a bravura destas mulheres, pois estão entre as primeiras a sofrer violações dos seus direitos e liberdades mais básicos depois de os talibãs terem tomado o controlo do Afeganistão”

O italiano presidente do Parlamento Europeu fez questão, no entanto, de parabenizar Navalny, através da rede social Twitter, realçando que o opositor russo “lutou incansavelmente contra a corrupção do regime de Vladimir Putin. Isso custou-lhe a sua liberdade e quase a sua vida”.

Criador do blog “Livejournal”, com milhões de seguidores, Alexei Navalny é conhecido por organizar manifestações, concorrer a um cargo político como forma de oposição e defender reformas anticorrupção na Rússia, atacando o governo de Vladimir Putin.

O ativista russo foi envenenado no verão do ano passado, numa viagem à Sibéria, passando vários meses em recuperação, regressando a território russo em 2021, onde foi preso.

Foi condenado a dois anos e meio de prisão, num estabelecimento prisional de alta segurança, onde já organizou uma greve de fome de 23 dias como forma de protesto contra a falta de cuidados médicos.

O Prémio Sakharov é atribuído todos os anos pelo Parlamento Europeu como forma de celebrar a Liberdade de Pensamento, tendo sido criado em 1988, com o intuito de destacar indivíduos e organizações que lutam pelos direitos humanos e liberdades fundamentais. O nome do prémio trata-se de uma homenagem a Andrei Sakharov, físico e dissidente político, e o valor monetário do mesmo é de 50 mil euros.

Escrito por João Serra

Publicidade

Publicidade