Início » Notícias » Conselheiro ucraniano defende “conselho psiquiátrico para avaliar as declarações dos russos”
Internacional Notícias

Conselheiro ucraniano defende “conselho psiquiátrico para avaliar as declarações dos russos”

conselheiro

Mikhailo Podolyak, conselheiro presidencial ucraniano, voltou a apontar o dedo aos oficiais russos.

O diplomata e conselheiro do presidente ucraniano, Mikhailo Podolyak, voltou a criticar os representantes e diplomatas russos, dado que os mesmos alegam que apenas atacam infraestruturas militares. 

Podolyak dirigiu-se, no Twitter, a Sergei Lavrov, Ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia, acusando-o de ser “ministro da justificação dos crimes de guerra”.

“A Organização Mundial de Saúde tem de estabelecer um conselho psiquiátrico internacional para avaliar as declarações dos representantes russos”, rematou o conselheiro ucraniano.

Na mesma publicação, Podolyak anexou fotos do impacto da guerra em civis ucranianos, referindo-se aos mesmos, em tom de ironia, como “alvos militares”.

A Ucrânia e a Rússia continuam num impasse relativamente a um cessar-fogo, sendo que a guerra continua a intensificar-se, nomeadamente em Donbass, onde militares russos avançam sobre a cidade de Severodonetsk, considerada uma localização importante para a tomada da região.

Subscreva para receber notícias semanais e campanhas especiais.

Escrito por João Serra

Publicidade

Publicidade