Início » Notícias » Corpo de João Rendeiro já se encontra em Portugal
Nacional Notícias

Corpo de João Rendeiro já se encontra em Portugal

corpo

O corpo do antigo presidente do BPP será transportado para o Instituto de Medicina Legal, de modo a que seja submetido a uma segunda autópsia.

De acordo com a CNN Portugal, o corpo de João Rendeiro já se encontra em território nacional, tendo chegado a Lisboa pelas 6h15 de sexta-feira.

O mesmo será encaminhado para o Instituto de Medicina Legal, depois de ter sido verificado pelos serviços alfandegários do Aeroporto de Lisboa, de modo a que seja realizada uma segunda autópsia a pedido da família do ex-banqueiro.

Note-se que foi ontem avançado pelos meios de comunicação social que a família de João Rendeiro pediu a realização de outra autópsia, por suspeitas de envolvimento de terceiros na morte do antigo presidente do BPP.

Inês Montalvo, advogada da viúva de João Rendeiro, Maria de Jesus Rendeiro, em declarações à agência Lusa, afirmou não ter recebido ainda a resposta do Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses (INMLCF) a confirmar o deferimento do pedido, justificando uma segunda autópsia por considerar que existem “vários indícios de que se tratou de um crime”.

A advogada explicou, ainda, que a família de Rendeiro não obteve quaisquer informações oficiais relativamente à realização da primeira autópsia, efetuada na morgue de Pinetown, em Durban, nem sobre os resultados da mesma, considerando, deste modo, que “esta será a primeira autópsia”.

Inês Montalvo referiu, igualmente, que a prisão de Westville, onde se encontrava detido João Rendeiro, “era muito violenta” e que o ex-banqueiro “foi ameaçado de morte várias vezes”. 

A advogada defendeu também que “as condições de lugar e de modo” da morte do antigo presidente do BPP “são as menos prováveis” para configurar um suicídio.

Recorde-se que o corpo de João Rendeiro foi encontrado na sua cela, no dia 13 de maio, tendo sido realizada uma autópsia quatro dias depois. As autoridades sul-africanas deram conta de que o ex-banqueiro terá cometido suicídio, ainda que a investigação não tenha sido ainda concluída.

Escrito por João Serra

Publicidade

Publicidade