Início » Notícias » Jogos Olímpicos saem mais barato que o previsto
Desporto Notícias

Jogos Olímpicos saem mais barato que o previsto

Jogos Olímpicos

De acordo com a organização do evento desportivo, os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Tóquio2020, que tiveram lugar no verão de 2021, devido à pandemia da covid-19, tiveram um custo total de 11,2 milhões de euros, sendo este valor abaixo do previsto.

Segundo a estimativa apresentada, esta quarta-feira, pela organização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio2020, o evento teve um custo de cerca de 11,2 mil milhões de euros, valor este inferior ao previsto, em dezembro de 2020, de, aproximadamente, 12,9 milhões de euros.

Quer isto dizer que o valor despendido no evento de Tóquio2020 ficou abaixo daquele verificado nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012 (12,2 milhões de euros), sendo estes os mais caros da história.

A organização irá, no entanto, prosseguir com a revisão de contas, de modo a realizar a divulgação definitiva dos custos, no verão de 2022.

Estes gastos, que são o resultado da sexta atualização orçamental, representam, todavia, cerca de o dobro dos 734 milhões de ienes orçamentados na candidatura à organização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos, em 2013.

A organização, no entanto, justificou estes valores, argumentando sobre uma redução de despesas devido à simplificação dos contratos com os eventos e à falta de espectadores, algo que gerou uma perda de receitas no valor de, aproximadamente, 90 mil milhões de ienes com a venda de bilhetes.

Recorde-se que os Jogos de Tóquio2020 tiveram lugar entre 23 de julho e 08 de agosto de 2021 e os Paralímpicos entre 24 de agosto e 05 de setembro, de 2021.

Subscreva para receber as principais notícias semanais sobre Desporto e campanhas especiais.

Escrito por João Serra

Publicidade

Publicidade