Início » Notícias » Líder do Daesh tira própria vida após aproximação das tropas norte-americanas
Internacional Notícias

Líder do Daesh tira própria vida após aproximação das tropas norte-americanas

Líder do Daesh

O líder do Daesh fez-se explodir devido à aproximação das tropas norte-americanas, sendo que o sucedido ocorreu após um ataque na Síria, que teve lugar na noite anterior, por parte dos Estados Unidos.

Segundo anunciou, primeiramente, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, esta manhã, as tropas americanas mataram Abu Ibrahim al-Hashimi al-Qurayshi, líder do Estado Islâmico (Daesh).

Conhecem-se, no entanto, novos pormenores sobre a morte do líder do Daesh, sendo que os mesmos revelam que terá sido o extremista a tirar a própria vida, ao detonar um colete de explosivos, ao aperceber-se da aproximação das tropas norte-americanas.

O sucedido matou, igualmente, a família do líder da organização terrorista, num total de 13 pessoas. De entre as mortes, foram identificadas seis crianças e quatro mulheres.

O Observatório Sírio dos Direitos Humanos, com sede no Reino Unido, confirmou, igualmente, nos meios de comunicação social, a morte de 13 pessoas, fazendo apenas, no entanto, referência a quatro crianças.

Por sua vez, a ABC News relatou que todas as vítimas foram mortas quando o líder extremista se fez explodir.

Num tweet, o presidente Joe Biden disse “Obrigado à coragem das nossas forças armadas, removemos do campo de batalha Abu Ibrahim al-Hashimi al-Qurayshi, líder do Estado Islâmico”.

Subscreva para receber notícias semanais e campanhas especiais.

Escrito por João Serra

Publicidade

Publicidade