Início » Notícias » Pedri González é o novo “Golden Boy”
Desporto Futebol Notícias

Pedri González é o novo “Golden Boy”

Pedri González

O jovem médio espanhol do Barcelona, Pedri González, é o vencedor da mais recente edição do “Golden Boy”, numa lista de jogadores em que o único português era o lateral-esquerdo do Paris Saint-Germain, Nuno Mendes.

Pedri González, jovem do meio-campo blaugrana, foi o selecionado como vencedor do “Golden Boy 2021”, um prémio atribuído pelo jornal italiano Tuttosport ao melhor jogador sub-21 da época, a competir na Europa.

Na lista de “adversários” de Pedri encontravam-se, Karim Adeyemi, do Red Bull Salzburgo, Jude Bellingham, do Dortmund, Eduardo Camavinga, do Real Madrid, Charles De Ketelaere, do Club Brugge, Bryan Gil, que representa o Tottenham, Ryan Gravenberch, do Ajax, Mason Greenwood, que joga no Manchester United, Jamal Musiala do Bayern, Gavi, também do Barcelona, e Nuno Mendes, internacional português e jogador do Paris Saint-Germain.

Recorde-se que o primeiro “Golden Boy” foi atribuído no ano de 2003, a Rafael Van der Vaart. Depois do holandês, seguiram-se: 

  • Wayne Rooney, em 2004, ao serviço do Manchester United; 
  • Messi, em 2005;
  • Cesc Fàbregas, em 2006, enquanto jogava no Arsenal;
  • Kun Agüero, em 2007, enquanto representava o Atlético de Madrid;
  • Anderson, em 2008, ao serviço do Manchester United;
  • Alexandre Pato, em 2009, no AC Milan;
  • Mario Balotelli, em 2010, enquanto vestia a camisola do Manchester City;
  • Mario Götze, em 2011, no Borussia Dortmund;
  • Isco, em 2012, pelo Málaga;
  • Pogba, em 2013, pela Juventus;
  • Sterling, em 2014, quando estava no Liverpool;
  • Martial, em 2015;
  • Renato Sanches, em 2016, enquanto se encontrava ao serviço do Bayern;
  • Mbappé, em 2017, nos seus tempos no Mónaco;
  • De Ligt, em 2018, no Ajax;
  • João Félix, em 2019;
  • Erling Braut Haaland, em 2020

 

Subscreva para receber as principais notícias semanais sobre Desporto e campanhas especiais.

Escrito por João Serra

Publicidade