Início » Notícias » Ricardo Salgado continuará sujeito a caução de 1,5 milhões de euros
Nacional Notícias

Ricardo Salgado continuará sujeito a caução de 1,5 milhões de euros

ricardo salgado

O Tribunal da Relação considerou que existe perigo para a manutenção e veracidade da prova no processo que envolve Ricardo Salgado.

Esta terça-feira, dia 15, o Tribunal da Relação decidiu que Ricardo Salgado, ex-banqueiro, continuará sujeito a uma caução de cerca de 1,5 milhões de euros, após considerar que existe perigo para a manutenção e veracidade da prova.

Para além de considerar a possibilidade de falsificação de diversos documentos na defesa no processo do Banco Espírito Santo (BES), a SIC Notícias avança que o Tribunal crê que existe uma forte possibilidade de Ricardo Salgado ter concertado a defesa com outros arguidos no principal processo concernente à queda do banco privado.

Recorde-se que o ex-banqueiro foi condenado a seis anos de prisão efetiva devido a três crimes de abuso de confiança, na Operação Marquês.

No processo, Ricardo Salgado foi acusado de 21 crimes, sendo que, na decisão instrutória proferida a 9 de abril do ano passado, o juiz Ivo Rosa deixou cair a maioria das acusações imputadas ao antigo presidente do BES.

De notar que o próprio Tribunal Central Criminal de Lisboa admitiu que a pena foi atenuada devido à idade, estado de saúde e ausência de passado criminal de Ricardo Salgado, tendo o mesmo alegado um diagnóstico de Alzheimer, entretanto confirmado pelo neurologista Joaquim Ferreira.

O ex-banqueiro pediu, ainda, ao Tribunal, para utilizar o dinheiro desta caução do processo do BES para pagar uma parte dos 11 milhões de euros exigidos no processo da Operação Marquês.

Subscreva para receber notícias semanais e campanhas especiais.

Escrito por João Serra

Publicidade

Publicidade