Início » Notícias » Síria regista número de mortos mais baixo desde o início da guerra
Internacional Notícias

Síria regista número de mortos mais baixo desde o início da guerra

Síria

De acordo com o Observatório Sírio para os Direitos Humanos (OSDH), no ano de 2021, a guerra na Síria provocou 3.746 mortes, sendo esta uma queda significativa relativamente a 2020, bem como o número mais baixo desde o começo do conflito.

Os dados recolhidos e divulgados pelo OSDH revelam que, entre as vítimas mortais da guerra da Síria, no ano de 2021, 1.505 foram civis, dos quais 306 foram crianças.

Desde o início do conflito em território sírio, em 2011, que nunca se registou um número tão baixo de mortes, vindo, deste modo, a confirmar uma tendência decrescente.

Estes dados revelam uma queda bastante significativa relativamente ao ano anterior, em que foram contabilizadas 6.800 vítimas mortais, que, por si, apresentou um decréscimo comparativamente ao ano de 2019, que registou cerca de 10.000 mortes.

Ainda de acordo com os dados apresentados pela OSDH, minas e diversos engenhos explosivos causaram a morte de 297 pessoas.

Na verdade, no mês de novembro, o Observatório de Minas revelou que a Síria ultrapassou o Afeganistão como o país que contabiliza mais mortes associadas a minas e outro engenhos explosivos.

Um acordo de cessar-fogo está a ser geralmente respeitado, apesar do apoio do Kremlin às forças do Governo de Damasco, que, por sua vez, têm como principal alvo o bastião rebelde de Idlib, no noroeste do país.

De acordo com os dados mais recentes do OSDH, a guerra na Síria, desde o seu começo, em 2011, já provocou a morte de mais de 494.000 pessoas, bem como milhões de refugiados e deslocados.

Subscreva para receber notícias semanais e campanhas especiais.

Escrito por João Serra

Publicidade

Publicidade