Início » Notícias » “Sovietização da Saúde” é culpa de Costa, diz IL
Nacional Notícias

“Sovietização da Saúde” é culpa de Costa, diz IL

sovietização

A Iniciativa Liberal (IL)  atribuiu a culpa do “colapso” do Serviço Nacional de Saúde (SNS) ao primeiro-ministro, falando em “sovietização da Saúde”.

Esta sexta-feira, através da rede social Twitter, a IL deixou fortes críticas ao primeiro-ministro português, culpabilizando-o pelos constrangimentos no SNS, usando os mais recentes acontecimentos nos serviços de urgência dos hospitais públicos como exemplo de um “colapso” da estrutura.

“O que assistimos na última semana com o encerramento de urgências dos hospitais um pouco por todo o país é O COLAPSO DO SNS. A máquina de propaganda do PS não o consegue disfarçar. É o colapso do SNS e o responsável é António Costa”, pode ler-se na publicação dos liberais.

Noutro tweet, a IL apontou o dedo à coligação de esquerda, feita em 2015, entre PS, PCP e BE, responsabilizando a mesma pela “sovietização da Saúde”.

“António Costa em 2015 aceitou a sovietização da Saúde como condição para a geringonça. Agora estão os portugueses a pagar”, escreveu o partido, acrescentando que “Marta Temido era uma técnica independente com conhecimentos de Saúde e agora é uma militante socialista apparatchik”.

Os liberais mencionaram, igualmente, que Portugal é “um dos países onde há mais pessoas a pagar seguro de saúde” porque “o SNS deixou de responder”.

“Este ano vamos gastar mais 4600 milhões de euros no SNS do que gastámos em 2015, é muito até para o PS, e o SNS está em colapso. O problema não é de dinheiro, é de concepção e de competência na gestão”, concluíram.

Subscreva para receber notícias semanais e campanhas especiais.

Escrito por João Serra

Publicidade

Publicidade