Início » Saúde e Beleza » Consumo de açúcar e os problemas de saúde
Nutrição Saúde e Beleza Saúde e Bem-Estar

Consumo de açúcar e os problemas de saúde

Consumo de açúcar
Consumo de açúcar

Diz o povo que o que é doce nunca amargou, mas quando o consumo de açúcar é excessivo pode tornar-se num problema para a sua saúde.

Descrito por muitos nutricionistas como o “veneno do século XXI”, quando ingerido em excesso, o açúcar pode, como referimos, ter várias consequências negativas para a nossa saúde. Do desenvolvimento de diabetes tipo 2 ao aumento do risco de problemas cardiovasculares, saiba aqui quais são:

  • Aumenta o risco de doenças cardiovasculares

Conduz à inflamação do revestimento das artérias o que aumenta o risco de AVC e enfarte. Segundo alguns estudos, quem consome cerca de 15% das suas calorias diárias através do açúcar, tem um risco maior de morrer de doença cardíaca.

  • Aumenta o risco de desenvolvimento de diabetes tipo 2

Consumir açúcar em excesso está diretamente ligado ao desenvolvimento de diabetes tipo 2. Dados sobre a disponibilidade de açúcar e a taxa de diabetes, reunidos ao longo de 10 anos num total de 175 países, mostra que a taxa de diabetes aumentou quando a população estava exposta ao excesso de açúcar, e diminuiu quando o consumo de açúcar caiu.

  • Aumenta a hiperactividade e causa diminuição do desempenho e aprendizagem nas crianças

O açúcar é uma fonte de energia de rápida absorção, o que causa uma descarga de adrenalina que pode levar a um comportamento hiperactivo nas crianças, resultando numa diminuição do desempenho e aprendizagem.

  • Compromete a visão

As dietas modernas ricas em açúcar e amidos refinados estimula a produção de um composto semelhante à insulina 1(IGF-1) que, em altas quantidades, estimula o crescimento em excesso do globo ocular durante o seu desenvolvimento tornando-o anormalmente longo, um defeito característico da miopia.

  • Obesidade

O açúcar contribui para o aumento de gordura na zona abdominal – a parte mais perigosa para a saúde.

  • Promove o aparecimento de cáries e osteoporose

Para além ser um alimento chamariz para as bactérias que destroem o esmalte dos dentes, o consumo de açúcar provoca variações no sangue influenciando os índices de cálcio e fósforo. O fósforo é um mineral que é importante para facilitar a absorção de cálcio, logo o excesso de açúcar inibe a absorção de cálcio.

 

Prolongadas alterações de açúcar no sangue irão fazer com que o organismo retire o cálcio que necessita dos ossos e dos dentes, causando cáries dentárias e perda de massa óssea.

  • Inibe o sistema imunitário

Consumir açúcar em excesso retira capacidade de ação aos glóbulos brancos no seu combate a doenças infecciosas.

  • Aumenta o risco de depressão

Uma dieta rica em açúcar aumenta o risco de depressão em 58%.

  • Alimenta as células cancerígenas

As células cancerígenas dependem fortemente de açúcar ou glicose para a produção de energia. Assim, ao reduzirmos o consumo de açúcar e hidratos de carbono, a proliferação de células cancerígenas pode ser abrandada.

  • Provoca o envelhecimento prematuro

Além de todos os problemas que já afloramos, o consumo de açúcar em excesso pode provocar o envelhecimento prematuro, uma vez que as proteínas acabam por integrar o açúcar nas suas estruturas contribuindo não só para o aparecimento de rugas, como para a desativação das enzimas antioxidantes naturais do seu corpo, deixando a sua pele mais vulnerável aos danos provocados pelo sol.

Publicidade

Publicidade