Início » Saúde e Beleza » Coronavac pode neutralizar todas as variantes, segundo estudo
Saúde e Beleza Saúde e Bem-Estar

Coronavac pode neutralizar todas as variantes, segundo estudo

coronavac

Um novo estudo realizado por um grupo de investigadores chineses concluiu que três doses da vacina Coronavac são capazes de neutralizar todas as três variantes da covid-19, incluindo a Ómicron.

Conforme indica um novo estudo realizado por investigadores chineses, citado pela revista “Galileu”, a toma de três doses da vacina Coronavac produz anticorpos suficientes para neutralizar todas as variantes do SARS-CoV-2, incluindo a mais recente Ómicron.

A investigação foi realizada através da colheita de amostras de 60 voluntários, sendo que nenhum dos mesmos sofreu de covid-19 previamente à realização do estudo. Metade dos participantes foram vacinados com duas doses da vacina Coronavac e outra metade tomou três doses.

De acordo com um comunicado publicado pelo Instituto Butantan, os investigadores foram capazes de isolar 323 anticorpos presentes no soro de quatro voluntários vacinados com a terceira dose. Os anticorpos derivam de células B, responsáveis pela memória do sistema imunológico.

Desta forma, diferentes variantes da covid-19 foram expostas ao soro dos voluntários, sendo que foi observado pelos cientistas que metade dos anticorpos foram capazes de as neutralizar.

Os investigadores testaram, ainda, em cobaias como forma de testar a eficácia dos anticorpos, tendo sido constatado que uma dose de soro que continha um único anticorpo fez decrescer em 10 mil vezes a quantidade do vírus nos pulmões dos animais. Por sua vez, uma dose extra, composta por quatro anticorpos, eliminou totalmente a covid-19.

Este estudo foi realizado por um conjunto de investigadores da Academia Chinesa de Ciências, da Academia Militar Chinesa de Ciências, do Instituto Nacional de Controle de Drogas e Alimentos e da Sinovac, sendo que ainda não foi revisto por pares.

Saiba mais sobre os problemas de saúde associados ao consumo de açúcar!

Escrito por João Serra

Publicidade

Publicidade