Quantcast
DicasFormação & Carreira

Como criar um CV impactante: dicas para te destacares

criar CV impactante

O mercado de trabalho é uma autêntica batalha. A concorrência é feroz e qualquer pormenor que te ajude a destacares-te dos demais poderá fazer a diferença. Se te conseguires distinguir com um CV impactante, poderás assegurar um bom emprego, com um bom ordenado. Podes garantir a oportunidade de que precisas para mudar a tua vida. 

Ora, frequentemente, o CV revela-se o teu cartão de visita, o documento que te permite fazer uma apresentação do teu percurso profissional. Se apresentares um CV demasiado formal e monótono, poderás perder a oportunidade de uma vida… 

Fica a conhecer algumas estratégias que permitem tornar o teu CV impactante. Lembra-te que não existe uma segunda oportunidade para causares uma boa primeira impressão!

10 dicas para criares um CV impactante

É uma tarefa árdua preparar um bom CV, eficiente e impactante, que permita que esse documento se destaque da concorrência. O teu currículo só será eficaz se revelar o que é mais importante num documento deste tipo, que deve ser apresentar as tuas habilidades e experiências. 

Com as dicas que te iremos apresentar, irás conseguir destacar-te, o que te permitirá aumentar a probabilidade de superares os CVs de outros candidatos ao emprego e, assim, seres convidado para uma entrevista. Desta forma, poderás lutar pela oportunidade de trabalho que tanto desejas. 

1. Apresentar uma formatação limpa e organizada

Deves ter em conta que o layout do teu CV deve ter uma apresentação clean e ser organizado e fácil de ler. Desta forma, para não causar ruído visual, deves apostar num CV que apresente fontes profissionais. 

Ao longo do CV, deves apresentar uma estrutura consistente. Para conseguires destacar informações relevantes, deves usar tópicos pertinentes. Além disso, para poderes realçar devidamente as secções importantes, recorre a espaços em branco. Deves eliminar cores e figuras, até porque, frequentemente, os recrutadores imprimem os CVs a preto e branco. 

2. Colocar fotografia

No momento de selecionares a tua fotografia, escolhe uma que seja atual e neutra, sem fundo ou poses estranhas.

3. Ser claro e objetivo

Um CV não é um documento literário, onde devas demonstrar um domínio da língua portuguesa com divagações. É fundamental ser conciso e que o conteúdo apresentado seja fácil de entender. 

Por vezes, o recrutador faz leituras na diagonal do CV. Por isso, é essencial apresentar um conteúdo claro e objetivo. Deves apresentar um CV que permita ao recrutador identificar as tuas competências e experiências com facilidade e rapidez. 

4. Adaptar o CV ao trabalho 

Para te conseguires destacar, tens de trabalhar antes de teres um emprego. Tens de compreender que cada vaga de emprego representa uma oportunidade distinta, que tem as suas especificidades e requer determinadas competências. Desta forma, se personalizares o teu currículo para a posição em específico para a qual te queres candidatar, irás destacar-te da concorrência.  

Deves realçar as competências que tens e as experiências que vivenciaste e que podem mostrar-se relevantes para a vaga em questão e para a empresa em particular. Antes de enviares o teu CV, dá a devida atenção aos requisitos da vaga e identifica as palavras-chave que podem fazer a diferença. Por exemplo, para vagas internacionais, tem o cuidado de enviar o CV no idioma solicitado. 

5. Destacar as realizações profissionais

No teu CV, deves destacar as tuas realizações. Recorda as experiências profissionais anteriores. Deves enaltecer os teus feitos. Caso tenhas conseguido alcançar bons resultados, demonstra-o. Deves mostrar que tens capacidade de assegurar resultados e cumprir objetivos. 

Não te limites a enumerar as tuas responsabilidades anteriores, revela como conseguiste agregar valor ao negócio onde estavas e revela que podes ser uma mais-valia para uma dada empresa. 

6. Realçar competências

Quando fizeres o teu CV, deves destacar as tuas experiências anteriores. Neste passo, é fundamental enalteceres as tuas habilidades e competências. Deves fazer por demonstrar aos recrutadores que tens skills que se encaixam perfeitamente na posição onde há vagas. 

7. Ser honesto/a

A honestidade é fundamental no mercado de trabalho. Por isso, no momento de criares o teu CV, tens de ser transparente. Sempre que destacares as tuas competências, experiências e realizações, sê honesto. 

Se só falares a verdade, nunca irás vacilar no momento de fazeres a entrevista, pois durante o processo seletivo serás questionado sobre alguns pormenores apresentados no teu CV.

Logo, será necessário manteres a coerência no discurso. Seres apanhado em mentiras impedirá que tenhas a oportunidade que tanto desejas.

8. Fazer uma revisão do CV

A correção de erros é fundamental. As gralhas podem surgir no momento de criares o teu CV. No entanto, uma segunda e terceira leitura do documento pode ajudar-te a identificar algumas falhas, seja erros ortográficos, seja problemas na estrutura. 

Desta forma, antes de enviares um CV, deves analisar bem o documento, pois se houver

erros de gramática e ortografia, serás prejudicado. Como se disse anteriormente, não há uma segunda oportunidade para causar uma boa primeira impressão. Se queres que o  recrutador tenha uma boa impressão de ti, apresenta um CV irrepreensível.

9. Colocar o LinkedIn

Atualmente, os recrutadores procuram o máximo de informação sobre o potencial funcionário. Por isso, além dos dados de contacto, cidade e país onde a pessoa vive, estão atentos ao que é apresentado nas redes sociais, nomeadamente no LinkedIn. Deste modo, o link do teu LinkedIn deve ser incluído no teu CV e a tua página no LinkedIn deve encontrar-se bem estruturada e atualizada.

10. Equilibrar a informação pessoal incluída

No momento de criares o teu CV, não te esqueças que não deves colocar determinados dados pessoais no documento. Por exemplo, deves evitar colocar endereço, documentos, identificação dos filhos, estado civil,… 

Além de ser informação que não é relevante para o empregador no imediato, pode representar um risco para a tua segurança e a da tua família!

Related posts
Direitos do TrabalhadorFormação & Carreira

Direito a férias dos trabalhadores independentes

CarreiraFormação & Carreira

O que significa ser trabalhador designado?

Direitos do TrabalhadorFormação & Carreira

Queres tirar uma licença sem vencimento? Sabe como fazê-lo!

Direitos do TrabalhadorFormação & Carreira

Viajar em trabalho: direitos e deveres