Início » Moda » Quatro lojas vintage em Lisboa obrigatórias para quem ama roupa em segunda mão
Moda

Quatro lojas vintage em Lisboa obrigatórias para quem ama roupa em segunda mão

Quatro lojas vintage

De casacos a saias, de sapatos a bandoletes, a vintage fashion não se fica pela roupa, dado que a mesma em segunda mão contribui para um consumo mais ético e uma maior sustentabilidade no mundo da moda. Ora, a grande capital portuguesa nunca ficou indiferente a este movimento, pelo que criámos uma lista de quatro lojas vintage obrigatórias de visitar para os amantes da indumentária clássica.

1 – A Outra Face da Lua

Fundada em 22 de outubro de 2005, na Baixa Pombalina, A Outra Face da Lua mostrou e deu à capital de Portugal o que esta tem de alma vintage, hoje em dia.

Esta loja deixa bem claro que a roupa em segunda mão não é apenas uma tendência, mas também um ideal que promove a sustentabilidade e o consumo ético. 

A Outra Face da Lua declara, no seu website, que a cultura desta loja se baseia na crença de que a roupa vintage é uma “solução para o futuro” e vivem pelo lema “In vintage we trust”.

2 – Pop Closet

No coração de Lisboa, mesmo no Chiado, ao lado do Convento do Carmo, localiza-se uma pequena loja que luta por diferenciar o que em si é diferente. 

A Pop Closet é uma loja vintage longe de ser uma loja vintage. Em conversa com a Time Out, o dono desta pequena e única butique afirma que o que distingue a Pop Closet das restantes lojas de moda vintage é que a seleção desta “é feita de forma a parecer que são de agora. São iguais às que estão a aparecer nas passerelles”.

Focado num futuro mais sustentável e adornado com mobília reciclada e recuperada, este espaço está dividido em duas salas, ambas com muito que ver.

3 – Boudoir Vintage Boutique

Numa das avenidas mais conhecidas de Lisboa está um espaço que atrai pela sua mistura de atrevimento e classe. A Boudoir Vintage Boutique, localizada na Avenida Almirante Reis, é loja vintage inspirada, como o próprio nome grita, no conceito boudoir, e procura destacar-se pelo seu catálogo de lingerie, loungewear e roupa de palco clássicos, mas tendo sempre em conta a moda vintage no geral.

Fundada pela personalidade criadora dos Anjos 70, bem como da Feira das Almas (agora Fleamarket), Catarina Querido, a Boudoir Vintage Boutique contribui para um movimento vintage sustentável com preços justos.

4 – Flamingos Vintage Kilo

Para entrar numa máquina do tempo, mais vale ser em estilo. Ora, melhor não há para viagens ao passado que a Flamingos Vintage Kilo.

Esta marca de roupa em segunda mão espanhola, com loja na Baixa Pombalina, vende moda vintage 100% americana.

Quer seja viver os cenários de “Friends”, ou entrar em palco com Elvis Presley, este espaço oferece de tudo para conseguirmos viver diferentes décadas americanas, graças à versatilidade do catálogo.

O que distingue esta loja das restantes? O preço é feito ao quilo, como se de uma mercearia se tratasse e está recheada de todo o tipo de artigos, dos desportivos aos formais.

Escrito por João Serra

Publicidade

Sobre o autor

Moda

Adicionar Comentário

Clique aqui para enviar um comentário

Publicidade