Quantcast
Bem-Estar no trabalhoDicasDireitos do TrabalhadorFormação & Carreira

Como desconectar do trabalho nas férias?

Desconectar do trabalho

No mercado de trabalho atual é difícil sabermos quando devemos parar para descansar e desconectar do trabalho, principalmente se temos alguma tendência para trabalhar fora de horas.

Há pessoas que colocam a carreira como prioridade, e às vezes até da vida pessoal, do tempo de descanso e até das férias.
Quantas vezes dás por ti a verificar o email ao fim de semana? Ou quantas vezes já pensaste em cancelar férias pelo excesso de trabalho?
Se isso acontece, a lacuna começa logo na empresa, que permite que os trabalhadores sintam essa carga de trabalho, por falta de outras contratações ou porque simplesmente não é com eles.
Se tens dúvidas quanto ao tempo de trabalho semanal, horários de trabalho, descanso e férias, consulta o art. 203.º e o art. 237 do Código do Trabalho.

As férias são um direito que todos os trabalhadores têm, por isso tem de partir de ti, a imposição e iniciativa para haver uma desconexão total do trabalho. É fulcral descansares e tirares a carga de trabalho dos teus ombros por uns dias e aproveitares o tempo livre para ter outras atividades. Acredita que a tua saúde mental agradece. 

Os direitos e a força estão contigo

Não te sintas mal por desligar a chamada!
Fora do período laboral, o trabalhador tem o direito de desligar todos os sistemas de comunicação de serviço com a entidade empregadora ou de não atender às chamadas. Na prática, significa que o empregador “tem o dever de se abster de contactar o trabalhador no período de descanso, ressalvadas as situações de força maior”.

Dicas para que possas desconectar do trabalho 

Sabemos que não é possível desligar das preocupações e a ansiedade do trabalho de um dia para o outro, mas concentra-te nisso em prol do teu bem-estar. Como? Vê as dicas que temos para ti.

#1. Estás de férias: As férias são um direito teu e é porque as mereces. Desconectar do trabalho é necessário para que possas voltar com mais energia

#2. Delega tarefas: Nos teus dias de férias, haverá um ou mais colegas que terão de ficar responsáveis pelo teu trabalho. Delega tarefas, explica como se faz e o que é necessário. Desta forma, consegues garantir que nada fica pendente e que, alguém dará continuidade ao trabalho.

#3. Deixa tudo organizado: Esta é a melhor forma de conseguires descansar. Deixares tudo organizado e com as tarefas delegadas, é meio caminho andado para desligares das tuas preocupações do trabalho, e deixares a ansiedade de lado. 

#4. Desliga as notificações e o email: Garante que nada te incomoda ou interrompe o teu descanso e desliga as notificações. Quando regressares, logo tens tempo de verificar o email. 

#5. Estabelece limites: Se o teu nível de ansiedade não te deixa descansar, tenta dedicar uma hora por dia, de dois em dois dias, para consultares o email ou fazeres uma chamada para ver algum pendente. Mais que isso, não são férias! 

Related posts
Direitos do TrabalhadorFormação & Carreira

Direito a férias dos trabalhadores independentes

CarreiraFormação & Carreira

O que significa ser trabalhador designado?

DicasFormação & Carreira

Como criar um CV impactante: dicas para te destacares

Direitos do TrabalhadorFormação & Carreira

Queres tirar uma licença sem vencimento? Sabe como fazê-lo!