Início » Finanças » IMI 2022: sabe quanto vai pagar?
Finanças Finanças Pessoais Nacional

IMI 2022: sabe quanto vai pagar?

IMI-2022

Sabe quanto é que vai pagar de IMI em 2022? Não? Então este artigo é para si.

Apesar da “urticária” que o Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) causa na maioria dos contribuintes que detêm casa própria, a verdade é que, de forma inapelável, em maio deste ano, estes serão chamados a pagar na totalidade, ou em parte este imposto.

Existem, contudo, algumas boas notícias, já que 55 câmaras municipais decidiram aliviar o valor deste imposto para os seus munícipes. Para saber se é um dos felizes contemplados com esta diminuição, quanto irá pagar e quando terá de o fazer, anote toda a informação que lhe vamos apresentar de seguida.

55 municípios aliviam IMI em 2022

Como referimos, em 2022, 55 câmaras municipais decidiram baixar o valor do IMI que os seus munícipes terão de pagar. Enquanto algumas autarquias optaram por descer a taxa efetivamente aplicada, outras concederam um desconto às famílias que têm filhos.

Entre as Câmaras Municipais que decidiram baixara a taxa de IMI, contam-se:

Alcochete, Alfândega da Fé, Aljezur, Almeirim, Arruda dos Vinhos, Barcelos, Benavente, Bombarral, Borba, Braga, Cadaval, Covilhã, Évora, Fornos de Algodres, Grândola, Lagos, Loures, Maia, Mangualde, Mesão Frio, Montijo, Mourão, Odemira, Ourique, Palmela, Peniche, Portalegre, Portimão, Santa Comba Dão, Santarém, Santiago do Cacém, Seia, Seixal, Setúbal, Sousel, Tavira, Torre de Moncorvo, Valongo e Vila do Conde.

De acordo com o artigo 112.º – A do Código do IMI, as famílias que tenham um filho podem beneficiar de uma dedução de 20 euros, as que tenham dois filhos podem deduzir 40 euros e as que tenham três ou mais filhos podem deduzir 70 euros.

Este benefício, decidido e concedido por cada autarquia foi, este ano, estendido a mais 18 municípios:

Amadora, Alpiarça, Alter do Chão, Armamar, Caminha, Celorico da Beira, Condeixa-a-Nova (já tinha deduções a partir de dois filhos, passou a dar para as famílias que apenas têm um filho), Estremoz, Évora, Grândola, Moita, Mondim de Basto, Montemor-o-Novo (dá dedução a partir do segundo filho), Óbidos, Silves, Sines, Torre de Moncorvo e Vimioso.

Em sentido inverso, as autarquias de Belmonte, Ponte da Barca e Torres Novas, decidiram aumentar o IMI em 2022.

Casas novas vão pagar mais IMI em 2022

Apesar do IMI 2022 baixar nas autarquias que elencamos, quem comprou uma casa nova ou tenha um imóvel em reavaliação este ano vai ver a sua fatura aumentar. Porém, como este ano os contribuintes estarão a pagar o IMI relativo a 2021, estes aumentos só se farão sentir em 2023. De realçar que em causa está o aumento do valor médio de construção por metro quadrado de 492 euros para 512 euros.

Isenção de pagamento do IMI

Nas contas a fazer em relação ao pagamento de IMI em 2022, entra ainda a isenção de pagamento de IMI de que alguns agregados familiares podem beneficiar. Estão nesta situação pessoas com rendimentos baixos e cujo valor da casa seja baixo. Há situações em que a isenção é permanente, já noutras é temporária.

Por exemplo, uma família com um rendimento bruto que não ultrapasse os 15.295 euros e cujo valor patrimonial tributário do imóvel não seja superior a 66.500 euros está isenta permanentemente.

De igual modo, agregados familiares que compraram um imóvel até 125 mil euros de valor patrimonial podem beneficiar de uma isenção de IMI durante três anos.

IMI: pagamento

Tal como já referimos, o IMI é pago todos os anos e, dependendo do valor a pagar, pode ser dividido em prestações.

Assim, caso a fatura do IMI 2022 não ultrapasse os 100 euros, as famílias terão de pagar este imposto na totalidade em maio. Contudo, se o valor do IMI for superior a 100 euros e até 500 euros, a família pode pagar em duas prestações: uma em maio e a seguinte em novembro. Já se o valor do imposto superar os 500 euros, os agregados familiares podem dividir o pagamento em três vezes: maio, agosto e novembro.

À semelhança de quem tenha uma fatura de IMI de 100 euros, os agregados familiares que se encontram nos dois patamares seguintes podem pagar o IMI de uma só vez em maio.

Publicidade

Publicidade