Início » Entretenimento » Festa do Cinema Francês
Cinema Entretenimento Notícias

Festa do Cinema Francês

Festa do CInema Francês

Depois de uma edição em que se viu obrigada a reduzir a quantidade de filmes apresentados, bem como a sua abrangência geográfica, a Festa do Cinema Francês está de regresso e em força com uma programação que chegará a 9 cidades com público em sala e também online, com uma selecção de obras na plataforma Filmin.

Após uma última edição, feita sob condições restritas devido à pandemia, o festival, principal evento francófono realizado em Portugal, volta ao grande ecrã com mais filmes, maior alcance geográfico e mais poltronas disponíveis nas salas de cinema.

Entre 7 e 31 de outubro, percorre nove cidades: Lisboa, Oeiras, Coimbra, Almada, Porto, Braga, Évora, Viseu e Faro com um particular destaque para o cinema francês realizado no feminino.

Entre as mulheres em foco este ano estão Mia Hansen-Love, que estará em Portugal para apresentar o mais recente filme, A ilha de Bergman, e a cineasta Jacqueline Audry (1908-1977), que terá direito a uma retrospectiva na Cinemateca Portuguesa.

Para além do espaço dado às mulheres, a Festa do Cinema Francês vai apresentar mais de 50 filmes de diferentes géneros, dentre eles, uma vintena de antestreias onde o destaque vai para Eiffel, de Martin Bourboulon, sobre o engenheiro francês Gustav Eiffel, e que será o filme de abertura, e A voz do amor, de Valérie Lemercier, inspirado na vida da cantora Celine Dion, que encerrará a festa com a presença da realizadora.

A comédia Adeus idiotas, de Albert Dupontel, que venceu este ano sete Césares, Arthur Rambo, de Laurent Cantet, ou Ilusões Perdidas, de Xavier Giannoli, são outros filmes em antestreia.

A estes mais de meia centena de peliculas, a Festa soma ainda dois filmes em parceria com a ACID (Association du Cinéma Indépendant pour sa Diffusion; a sessão Segunda chance – dedicada a filmes cuja estreia colidiu com fases de confinamento; e o tradicional programa infantojuvenil e uma nova secção dedicada ao cinema fantástico.

Ainda nesta edição, a organização da Festa do Cinema Francês dá de novo destaque ao Cinelíngua francesa, um dispositivo cinematográfico que o Institut français du Portugal criou para ser uma ferramenta complementar na aprendizagem da língua e da cultura francesas.

Em colaboração com Zero em Comportamento, o dispositivo funciona como um intermediário entre os distribuidores, as salas de cinema e os professores das estruturas de ensino português, propondo um catálogo de filmes e um dossier pedagógico propositadamente criado para cada filme.

Os espectadores poderão descobrir os filmes da programação nas salas seguintes:

Lisboa: de 7 a 20 de outubro no Cinema São Jorge e de 8 a 20 de outubro na Cinemateca Portuguesa para a retrospetiva “Audry, Jacqueline Audry”.

Oeiras: 9, 10, 16, 17, 18 e 19 de outubro no Auditório Municipal Eunice Muñoz.

Almada: de 11 a 16 de outubro no Fórum Municipal Romeu Correia.

Coimbra: de 12 a 16 de outubro no Teatro Académico de Gil Vicente.

Porto: de 19 a 27 de outubro no Teatro Municipal do Porto – Rivoli e no Cinema Trindade.

Braga: de 21 a 24 de outubro no Cinema Nos Braga Parque.

Faro: de 21 a 24 de outubro no Cinema NOS Fórum Algarve.

Viseu: de 28 a 31 de outubro no Cinema NOS Forum Viseu.

Évora: de 28 a 31 outubro no Cinema NOS Évora Plaza.

Toda a programação pode ser consultada em https://www.festadocinemafrances.com/programacao

Publicidade

Publicidade