Início » Herald Social » Saúde Cerebral – Alimentos que melhoram o funcionamento do cérebro
Nutrição Saúde e Bem-Estar

Saúde Cerebral – Alimentos que melhoram o funcionamento do cérebro

saúde cerebral

O cérebro precisa de ser exercitado, mas para que esse exercício seja produtivo e a saúde cerebral acautelada, ele também necessita de uma alimentação saudável a acompanhar.

Se, no ranking dos órgãos mas pesados do corpo humano, o cérebro aparece no top 5 da tabela com os seus 1,5kg em média, a verdade é que não há outro que lhe chegue perto no consumo de oxigénio, matéria essencial a que este se mantenha jovem e em bom funcionamento para que o pensamento seja claro e as ações bem coordenadas.

Contudo, nem sempre cuidamos ou até nos esquecemos de alimentar da melhor forma essa “juventude” e uma das razões assenta, exatamente, na alimentação que fazemos.

Para que se mantenha jovem, o cérebro necessita de uma dieta que o proteja de doenças (como o AVC ou o Alzheimer) que são derivadas, por exemplo, da ingestão de sal, de gorduras saturadas ou de calorias desajustadas às necessidades, o que implica a procura de alimentos que sejam ricos em “gordura boa”, vitaminas (C,E e K), minerais (ferro, zinco e magnésio) e antioxidantes.

Que alimentos são esses que melhoram o funcionamento do cérebro? É o que lhe vamos dar a descobrir a partir de agora:

Alimentos que melhoram a sua Saúde Cerebral

Nozes

Para além de serem ricas em ómega-3, uma “gordura boa” que tem uma potente ação anti-inflamatória e anticoagulante, as nozes têm um elevado teor de vitamina E, promotora da memória e da redução do envelhecimento das células cerebrais, que reduz a proliferação dos radicais livres.

Brócolos

Apesar de pouco apreciada pelas crianças este vegetal em forma de “arvorezinha” é forte em vitamina K que ajuda a melhorar a memória. À vitamina K, os brócolos apresentam ainda uma constituição onde predomina a presença de vitamina C e flavonoides que exercem uma ação antioxidante sobre o cérebro.

• Frutos vermelhos

Há os de todas as formas e feitios, mas há algo que os une para além da cor: são excelentes alimentos para o cérebro.

Sejam amoras, framboesas, mirtilos, morangos ou melancia, todos estes frutos vermelhos são ricos em antioxidantes e fisetina, este último um flavonoide promove a boa comunicação entre neurónios, favorecendo a boa memória, o raciocínio e a atenção.

Abacate

Ao apresentar uma grande concentração de ómega-3 e 6 (gorduras monoinsaturadas), os abacates colocam-se na linha da frente dos melhores alimentos para o cérebro, mas se a isto juntarmos as vitaminas E e K que promovem o bom fluxo sanguíneo, uma boa oxigenação e a redução da probabilidade de danos provocados pelos radicais livres sobre o cérebro, temos um alimento no abacate um alimento que não pode deixar de fazer parte da nossa dieta alimentar.

Sementes de abóbora

Para além de ricas em ferro, magnésio e zinco, as sementes de abobora apresentam um elevado nível de ómega-3 que, como já vimos, potencia o bom funcionamento do cérebro, e uma elevada presença de flavonoides que inibem a ação dos radicais livres no cérebro, reduzindo a probabilidade de danos neste órgão.

A juntar a todos estes “ingredientes”, as sementes de abóbora são ainda uma importante fonte de triptofano que, quando conjugado com o zinco, se transforma em melatonina promovendo um sono tranquilo.

Alcaparras

Muito utilizada para temperar carnes e peixe, a alcaparra são um excelente aliado do cérebro dado que são ricas em cálcio, minerais, vitaminas e antioxidantes.

• Alimentos ricos em vitamina C

Para finalizar, não se esqueça de tirar os citrinos (laranja e limão) do frigorifico e dar-lhes uso, pois também eles são alimentos amigos do bom funcionamento do cérebro.

Publicidade

Publicidade