Quantcast
Automóveis

Futuro? Saiba mais sobre os carros a hidrogénio

Carros a hidrogênio

Muito se fala em carros elétricos como principal alternativa para o futuro, mas os carros a hidrogénio têm algo “a dizer”!

À medida que os carros elétricos vão ganhando cada vez mais popularidade, sendo uma questão de tempo até “substituírem” o motor a combustão, os veículos a hidrogénio revelam ter um papel importante no futuro.

Na verdade, os carros a hidrogénio funcionam através de energia elétrica, sendo, de certa forma, considerados veículos elétricos. No entanto, a forma de produzir energia difere bastante da de um carro elétrico. 

Os veículos elétricos convencionais requerem energia de uma fonte externa, enquanto que um automóvel a hidrogénio tem a capacidade de produzir a sua própria energia elétrica.

Estes carros contam com tanques de hidrogênio (H2), que, quando em contacto com oxigénio, criam energia elétrica e água, sendo a última expelida pelo tubo de escape do veículo. Esta energia é usada para mover o carro, mantendo uma mobilidade sem consequências prejudiciais para o meio ambiente.

Ter um veículo destes apresenta muitas vantagens, mas tal como qualquer outro carro, também revela algumas desvantagens associadas.

Principais vantagens de ter um veículo a hidrogénio:

  • Abastecimento mais rápido, visto que, em média, um abastecimento completo demora apenas 5 minutos;
  • Melhor amigo do planeta, dado que o seu processo de criar energia produz também vapor de água, que renova o ar por onde o veículo passa;
  • Desprovido de qualquer ruído, tal como os carros elétricos e contrariamente aos veículos com motor a combustão.

Principais desvantagens de ter um veículo a hidrogénio:

  • Abastecer um tanque pode ser ainda mais caro do que encher o depósito de um carro a combustível, sendo, no entanto, expectável que, à medida que a procura vai aumentando, o preço irá descer;
  • Baixo nível de eficiência da tecnologia, comparativamente a carros elétricos convencionais;
  • Preços de aquisição muito altos (para já), sendo o Toyota Mirai o único modelo a hidrogénio disponível em território português para venda, a partir dos 67.000 euros.

Porém, esta tecnologia do futuro já começa a ganhar terreno, deixando a sua marca em setores como o dos transportes públicos. Em Portugal, companhias como a Carris, Transportes Urbanos de Braga, STCP e Transportes Urbanos de Coimbra já contam com veículos a hidrogénio nas suas frotas.

 

Related posts
AutomóveisCrédito AutomóvelDicas

Como trocar de carro: conhece as diferentes opções

AutomóveisDicasManutenção

Líquido de refrigeração: quando tens de o mudar?

AutomóveisDicas

Conduzir à chuva: cuidados a ter

AutomóveisLegislação

Novas regras nas cartas de condução