Quantcast
FinançasFinanças PessoaisNacional

Contas poupança: vantagens e desvantagens

Contas poupança

Será que as contas poupança são o garante de que vai poupar ou ajudá-lo a adquirir hábitos de poupança? Qua são as vantagens e desvantagens de uma conta deste tipo? É o que lhe vamos ajudar a descobrir nas linhas seguintes.

Numa altura em que a inflação galopante e a especulação desenfreada por parte das empresas de energia colocam em cheque a sobrevivência financeira de milhares de famílias, é natural que cada vez mais pessoas olhem para as contas poupança como uma forma eficaz de fazer uma gestão financeira mais eficaz do seu dinheiro.

Conta poupança: o que é?

Na prática, uma conta poupança é uma conta bancária que permite que o seu titular deposite diferentes montantes que podem render juros.

Para quem está interessado, é importante saber que existem dois tipos de solução de contas-poupança disponíveis:

contas a prazo: não possibilitam retirar o dinheiro que coloca na conta antes do final do prazo definido sob pena de perder os juros;

contas à ordem: permitem a mobilização dos montantes sem qualquer restrição.

O grande objetivo destas contas é, como se percebe pelo seu nome, ajudar o depositante a guardar dinheiro no qual não quer mexer. Para além disso, devido à sua confiabilidade e segurança, estas contas podem ser usadas para ter uma poupança extra funcionando como fundo de emergência ou como um “mealheiro” para financiar a realização de um projeto.

Vantagens das contas poupança

  • Rentabilidade

Como referimos, as contas poupança proporcionam o pagamento de juros que, ainda que não sejam elevados, acabam sempre por dar algum retorno.

Porém, se por um lado quando a taxa de juro é superior à taxa de inflação consegue manter o valor da sua poupança, quando esta é inferior vai acabar por ver o seu dinheiro desvalorizar.

  • Segurança

Quem confia o seu dinheiro a uma conta poupança não vai perder as suas poupanças. Como se trata de um depósito, mesmo caso a instituição financeira entre em falência, o Fundo de Garantia de Depósitos garante ao depositante o reembolso da totalidade do valor do seu saldo até ao limite de 100 mil euros por depositante.

  • Flexibilidade

Sempre que queira ou necessite, o depositante pode aceder rapidamente a parte ou à totalidade do seu dinheiro.

Apesar de existirem restrições ao movimento de dinheiro que varia de banco para banco, é importante ter atenção aos prazos acordados para não afetar os juros que pode ganhar.

  • É simples abrir uma conta poupança

Para além de poder depositar a quantia que conseguir na frequência que precisar, por norma não lhe será exigido um montante mínimo para abrir uma conta poupança.

Para abrir uma conta poupança deve ser maior de idade, ter residência em Portugal e ter uma conta à ordem no banco que escolher.

Desvantagens das contas poupança

  • Rendibilidade baixa

Como já afloramos, as taxas de rendibilidade das contas poupança são baixas o que, por exemplo, indica que se a taxa de juro for inferior à taxa de inflação, o saldo até pode crescer, contudo, o valor que tem de poupança consegue pagar menos coisas ao longo dos anos.

Subscreva para receber o mais recente conteúdo sobre finanças e campanhas especiais.

Related posts
FinançasFinanças PessoaisNacional

Dicas para poupar durante as férias de verão

Finanças PessoaisNacional

Idade e penalizações: Pedir Reforma em 2024 e 2025

FinançasFinanças PessoaisNacional

Seguro de Viagem: vale a pena contratar?

FinançasFinanças PessoaisInvestimentosNacional

Quer resgatar o seu PPR? Saiba como