Quantcast
CarreiraCultura & ViagensFormação & CarreiraTecnologia

Trabalhar com tecnologia: vale à pena investir nesta área?

Trabalhar com tecnologia

Hoje em dia, e de uma forma crescente, a capacidade de trabalhar com tecnologia chama a atenção de diversas empresas, dado que este setor tem um enorme papel no nosso dia a dia.

Escolher uma carreira não é das coisas mais fáceis, dado que uma simples opção pode definir o resto das nossas vidas, sendo sensato analisar o que cada uma tem de vantajoso e desvantajoso a oferecer.

No entanto, na área de Tecnologia da Informação, ou TI (que por si só inclui diversas áreas!), o mercado de trabalho demonstra uma tendência para crescer, sendo este frequentemente associado a uma progressão profissional rápida e satisfação laboral. 

Neste artigo apresentamos algumas das melhores profissões a seguir para quem procura trabalhar com tecnologia, bem como o porquê de valer a pena seguir esta área!

Engenheiro de segurança

As empresas têm como uma das suas maiores prioridades manter os seus dados seguros, sendo este o papel dos engenheiros de segurança. De acordo com a Adecco, o “trabalho requer um alto nível de competências sofisticadas em programação, sistemas operativos e matemática, bem como comunicação, resolução de problemas e capacidades de resposta rápida”.

Chief Digital Officer (CDO)

O trabalho de um CDO é, essencialmente, o de auxiliar uma empresa ou organização a impulsionar o seu desenvolvimento, através de uma maior conversão das ações e negócios para o mundo digital, tornando-as mais competitivas e produtivas num mercado cada vez mais tecnológico.

Na verdade, um CDO não tem a obrigação de ter um conhecimento sobre tecnologias muito profundo, mas deverá ter algumas competências tecnológicas, com o objetivo de saber gerar valor através do meio digital.

Cloud Engineer

Segundo a Adecco, os “profissionais de TI com conhecimentos especializados sobre nuvens terão uma procura muito alta, uma vez que a dependência do acesso remoto continua a aumentar a nível global.”

A estes profissionais exige-se que tenham competências gerais de programação e DevOps, entre outras, de modo a conseguir manter um ambiente de cloud seguro e desenvolver políticas para a utilização destes serviços de nuvem.

Designer de videojogos

Um dos mercados com maior e mais rápido crescimento é o dos videojogos, pelo que não é surpresa que várias empresas procurem incessantemente por trabalhadores versados nesta área. De facto, projeta-se um crescimento para a indústria global dos videojogos na ordem dos 73,8%, de 2020 a 2027.

Criação de cenários, personagens, enredos e muito mais, é o que se espera de um designer de videojogos.

AI Developer

Com a Inteligência Artificial a deixar uma marca cada vez maior no setor das tecnologias, monitorizar, desenvolver e até conceber sistemas de IA são tarefas que as empresas cada vez mais procuram em profissionais tech.

É necessário um conhecimento aprofundado sobre linguagens de programação e plataformas de cloud para exercer o trabalho de AI developer.

UX Designer

Para ser um UX designer, ou designer da experiência do utilizador, não basta saber trabalhar com tecnologia, sendo também necessária uma capacidade de compreender como os utilizadores interagem com certos produtos e serviços.

Os especializados nesta área costumam ter um grande impacto nas receitas de uma empresa, tornando-se numa posição de alto investimento.

Cientista de dados

A capacidade de gerir e analisar dados é algo fundamental para que uma empresa consiga sobreviver num mercado cada vez mais digitalizado. É aí que um cientista de dados entra em cena!

Normalmente formados em informática, mas também em matemática e estatística, projeta-se, para esta carreira, um crescimento de 36% entre 2021 e 2031.

 

Related posts
Direitos do TrabalhadorFormação & Carreira

Queres tirar uma licença sem vencimento? Sabe como fazê-lo!

Cultura & ViagensViagens

Férias românticas em Portugal: 10 destinos memoráveis

Direitos do TrabalhadorFormação & Carreira

Viajar em trabalho: direitos e deveres

CinemaCultura & ViagensFilmes

Festa do cinema: Bilhetes com preço reduzido entre 13 e 15 de maio