Quantcast
ComportamentoDicasLifestyle

Digital Detox: Dicas para praticar o desapego

Digital Detox

Está na hora de um digital detox?
A verdade é que muita da nossa vida, seja trabalho, vida social e até parte do entretenimento, está associada aos telemóveis, tablets e computadores.
Segundo um estudo da Adsmovil em parceria com a GWI, a Geração Z (16 aos 24 anos) passa cinco horas online no telemóvel por dia, enquanto os Boomers (58 e 64 anos) passam apenas duas horas. As conclusões mostram também que os portugueses passam, em média, cerca de seis horas e meia no telemóvel por dia.

O vício do telemóvel já não se prende só aos mais novos. Hoje em dia são muitos os portugueses que passam horas e horas ao telemóvel, seja em jogos online, redes sociais ou em trabalho. E são também muitos deles que não conseguem sequer pensar em fazer um digital detox.
Este comportamento de dependência pode manifestar-se de várias formas, incluindo ficar acordado até tarde, a fazer scroll nas redes sociais, ou ter dificuldade em estar completamente focado no trabalho ou até mesmo conseguir ter uma simples refeição sem estar agarrado ao telemóvel.

Sabias que muito tempo passado ao telemóvel pode causar problemas na saúde? 

Digital detox: Esta dependência tem vindo, cada vez mais, a demonstrar que provoca cada vez mais problemas de saúde. Para não falar na nossa saúde mental, este vício traz ainda problemas de sono, má postura, ansiedade, depressão, ganho de peso, má alimentação, dores musculares e falta de gestão de tempo. Estes são apenas alguns dos problemas que têm sido associados a esta dependência digital. Se sentes que, de alguma forma, o uso destes dispositivos começa a afetar-te, está na altura de um digital detox.

O que deves fazer para iniciar este digital detox?


1.Desliga-te:

Aproveita a chegada das férias grandes para te desconectares completamente. Vais ver que o teu corpo, a tua cabeça e quem está à tua volta, vai agradecer. Vais ter mais tempo para estar com a família, vai estar desconectado de preocupações e vais priorizar o que realmente é importante: férias! 

2. Estabelece regras:

Destina horas específicas para te ligares às redes sociais ou ao entretenimento, e minimiza esse horário o mais possível. Também podes optar pelas horas em que não ficas perto, de todo, do telemóvel. Podes optar por deixá-lo noutra divisão da casa, sem teres a tentação de o ir buscar. 

3. Menos é mais:

E que tal usares ferramentas que tornem esta dependência menos apelativa? Começa por eliminar aplicações que te prendem ao telemóvel ou ao tablet. Se essas aplicações forem as mesmas que te fazem ficar em frente ao ecrã, usa então as regras que mencionámos acima. 
Os números para a dependência deste vício têm vindo a aumentar cada vez mais, por isso tens mesmo de pensar num digital detox a séria! O teu corpo e a tua mente precisam disso!

4. Elimina as notificações:

Esta é uma forma de estares mais desligado do teu telemóvel e não teres a tendência de estar constantemente a usá-lo para ficar a par das notificações que recebes. A menos que seja realmente necessário, elimina as notificações das redes sociais durante o horário de trabalho, e após o trabalho, silencia as notificações de e-mail. Isto vai ajudar-te também na questão de gestão de vida pessoal com a profissional.

Aceitas o desafio?

Related posts
Casa & DecoraçãoLifestyle

Estratégias para uma limpeza eficaz da placa de indução 

Casa & DecoraçãoLifestyle

8 dicas de Feng Shui para um quarto equilibrado

Casa & DecoraçãoLifestyle

Oosouji: o método japonês para limpar a casa

Casa & DecoraçãoLifestyle

Como remodelar a cozinha sem obras?